10 de agosto de 2020

O Coronavírus vai FALIR o seu negócio! | V4 News

Que a crise afetou a economia e como consequência também afetar as empresas, nós já sabíamos. Entretanto, ainda era muito cedo para mensurar qual foi o “rombo” ou estrago total causado por ela.

Hoje, ainda passando por esta crise, embora estejamos no começo dela, já conseguimos perceber quais são os primeiros sinais de qual o impacto real em vários estados, como São Paulo por exemplo que notificou o aumento de 73% nos pedidos de falência, comparando ao mesmo período de 2019.

Por este motivo, dentro deste conteúdo, queremos abordar aqui as possíveis causas deste movimento, o que está por vir nos próximos meses e principalmente, quais são as melhores soluções para que você consiga contornar este problema da melhor forma possível.

Aumento de 73% nos pedidos de falência durante a pandemia do novo coronavírus.

Como mencionamos anteriormente, somente na cidade de São Paulo, houve um aumento de 73% nos pedidos de falência de empresas, se comparado ao mesmo período do ano em 2019, segundo informações do tribunal da justiça de SP.

Este é o maior número registrado de pedidos desde agosto de 2019, quando tivemos por volta de 175 pedidos registrados na época.

Neste ponto vale salientar, que o pedido de falência é quase um pedido de luxo, em um país que a iniciativa privada é composta, na sua maioria, por micro e pequenas empresas, visto que muitas vezes as microempresas não chegam nem a serem colocadas nestas estatísticas.

Por este motivo, acreditamos que, o número de empresas que foram a falência neste ano é muito maior que este dado.

Embora seja ainda muito cedo para afirmar que este crescimento de pedidos de falência tenham relação estritamente com o coronavírus, a quarentena que observamos acontecendo em São Paulo se iniciou em março e os pedidos de falência também aumentaram neste mesmo período, mas a falta de caixa de muitos destes pequenos e micro empresários, podemos sim concluir que o coronavírus e a quarentena acarretaram na falência de muitos negócios.

Um segundo ponto que podemos enfatizar neste artigo, é nos atentarmos também para os pedidos de recuperação tiveram um aumento, nos fazendo entender que as empresas não conseguiram se adaptar dentro do tempo necessário para gerar resultados. Já aquelas que sobrevivem a este período conseguiram de fato adequar o seu produto ou serviço para manter seu negócio faturando mesmo durante a pandemia do COVID-19.

Obviamente, compreendemos que nem todos modelos de negócios são adaptáveis, mas estamos enfatizando neste conteúdos, aqueles que sim são modeláveis, porém que seus gestores tomaram decisões tardias para que essa mudança acontecesse. E na visão da V4 Company, essa é a realidade de muitas das empresas, a visão tardia ou a não ação de adaptar o seu produto para o novo mercado.

Possíveis soluções para você implementar no seu negócio.

Trazendo então algumas possíveis soluções em que a sua empresa pode adotar em situações como esta, aquelas que nós observamos diariamente e que inclusive, implementamos para nossos clientes venderem mais, é trabalhar com o delivery.

Entregar o seu produto no local de moradia do cliente, e não fazer com que ele tenha de ir até o seu negócio, visto que mesmo que elas não possam sair da suas casas, elas não deixaram de terem necessidades. Elas precisam continuar consumindo, e você precisa enxergar este formato como uma oportunidade de negócio.

Fazendo uma adendo aqui, segundo a revista exame, tivemos um aumento no volume de pedidos por aplicativo durante a pandemia, o Rappi Brasil, por exemplo, teve um aumento de 40% nos pedidos dentro da plataforma.

Você pode criar uma forma de expor seus produtos virtualmente, um catálogo virtual, onde seus consumidores possam acessar e escolher o que mais lhe atende naquele momento. A partir daí, você precisa definir boas ofertas para chamar atenção e que estejam alinhadas com as necessidades das pessoas neste momento, garantindo que essa oferta chegue ao máximo de pessoas possíveis.

Você pode utilizar todos os seus canais para divulgar essa oferta, e caso tenha verba de mídia para ampliar este alcance faça. Claro que mantendo todo cuidado para não jogar dinheiro fora. Se você gestor, empresário fizer isto, certamente estará passos a frente de muitos outros.

Este é o momento de mais ação e menos glamour. Você precisa adaptar o seu negócio para o novo mercado. O que não dá é ficar de braços cruzados esperando que um milagre aconteça.

Se você quer entender todos estes argumentos ou prefere este tipo de conteúdo em vídeo, o Gabriel Robiati, nosso COO e Equity Partner, gravou um vídeo para o nosso canal abordando este tema para discutimos qual a melhor forma de todos passarmos por esta da melhor maneira possível.

Assista ao vídeo completo clicando na imagem abaixo:

Assista também:

 

⭕ Quer o acompanhamento da V4 Company para obter resultados para a sua EMPRESA?Então acesse: 👉 https://bit.ly/3e45zJc

⭕ Conheça a Formação CIENTISTA DO MARKETING, aumente seus conhecimentos e trabalhe com Marketing Digital utilizando o Método V4. Acesse: 👉https://bit.ly/2yFggl7

– – – – –

Curta nossa página: 👉 http://www.facebook.com/v4webmarketing/

E acesse o nosso Instagram: http://www.instagram.com/v4company/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *