6 de agosto de 2020

Startups: empresas que só queimam caixa.

Recentemente o universo das StartUps tem se tornado cada vez mais popular, dando destaque para as empresas que começam a queimar grandes valores de caixa, como Uber e Wework.

Entretanto, antes de entrarmos neste assunto, vale ressaltar que empresas foram concebidas para gerar valor para o público final, para resolver um problema, porém mais do que isso, uma empresa precisa dar retorno para aqueles que a criaram, seus proprietários.

E nesta linha de pensamento, cada vez mais nós temos visto grandes empresas, que exercem um grande controle, que alcançam muitas pessoas, mas que não geram receita para a empresa, ou seja, não trazem lucro.

Nós acreditamos que muito destes modelos de negócios como Startups, estão se dando pelos recursos e facilidade de que muitas pessoas possam tirar suas ideias do papel. A missão de se tornar um unicórnio no Brasil ficou muito glamourizada, ou seja, se criou uma espécie de fantasia em cima do que realmente de fato se é.

Trazendo este tópico de Startups para uma analogia onde empresas deveriam estar mais preocupadas em dar lucro ao longo do tempo do que se tornar unicórnios, marcas que valem mais, o ideal era se tornarem camelos.

São animais muito resistentes, que suportam grandes distâncias sem nenhum tipo de recurso e são muito menos instáveis a fatores externos.

E essa fragilidade que muitas empresas têm, de não conseguirem investir posteriormente para ter um retorno no longo prazo, mostra uma grande falha do modelo de negócio, já que estão suscetíveis ao fracasso caso qualquer fator externos um pouco maior venham a atingi-las.

Em linhas gerais, tenha bastante cuidado e construa negócios mais camelos e menos unicórnios. Empresas de tecnologia (Startups) ganharam fama no mercado e acabam focando mais em gerar valor do que resultados. Um exemplo disso são grandes redes do varejo, que adotam tecnologia para acelerar, mas continuam focando em dar lucro, e mesmo assim não estão nos holofotes dos streamings.

Fama não significa resultado, não significa lucro. Cuidado com as métricas de vaidade, falamos sobre este assim neste outro vídeo aqui: Fama não dá dinheiro.

Em suma, diversas Startups vem chamando muita atenção pelo fato de possuírem algum produto ou estratégia de crescimento que requerem altos gastos de dinheiro do caixa na esperança de coletar lucros somente no longo prazo.

No novo vídeo do canal, Dener Lippert e Gabriel Robiati falam a verdade sobre empresas que sobrevivem sem lucro. Assista ao vídeo completo clicando na imagem abaixo:

Assista também:

⭕ Quer o acompanhamento da V4 Company para obter resultados para a sua EMPRESA?Então acesse: 👉 QUERO TER ASSESSORIA DA V4.

⭕ Quer atuar com uma carteira de clientes, sendo parceiro da V4 Company? Trabalhe em Home Office e tendo todo suporte de profissionais que atuam com Marketing Digital há anos com a FRANQUIA da V4! Acesse: 👉 QUERO SER UM FRANQUEADO V4.

⭕ Conheça a Formação CIENTISTA DO MARKETING, aumente seus conhecimentos e trabalhe com Marketing Digital utilizando o Método V4. Acesse: 👉 QUERO SER UM CIENTISTA DO MARKETING.

– – – – –

Curta nossa página: 👉 http://www.facebook.com/v4webmarketing/

E acesse o nosso Instagram: http://www.instagram.com/v4company/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *