Call-to-click: revelando os mistérios por trás do call to action - V4 Company
Artigos

Call-to-click: revelando os mistérios por trás do call to action

INSCREVA-SE!     CLIQUE AQUI!     DESCUBRA AGORA! 

 

Você certamente já viu estes termos, em botões com cantos arredondados, cores chamativas e acompanhadas de oportunidades irresistíveis com textos fáceis de se entender, correto? Se não, alguém estava fazendo algo errado. Chamada para ação é a tradução literal de call to action (CTA), botões digitais que refletem exatamente as ações que a página/empresa quer que você tome para receber a recompensa prometida.

Estas chamadas não são reservadas apenas ao mundo digital; somos constantemente expostos a ordens como NÃO FUME, PUXE, DESLIGUE A LUZ AO SAIR, NÃO PISE NA GRAMA. Estas chamadas não estão “querendo nos controlar,” pelo contrário: elas nos auxiliam a reagirmos com um objeto ou ambiente de acordo com o estipulado. Como você pode ver, o fluxo é o mesmo: expectativa -> ação -> recompensaPara lhe ajudar a desenvolver o seu call to action, acompanhe estas 5 dicas que desenvolvemos para você:

 

SIMPLES E EFICAZ

1

Você tem em torno de 10-15 segundos da atenção do usuário em sua landing page, então não faça ele gastar ? do tempo procurando pelo local em que ele deve clicar. Mesmo em versões mais sofisticadas (como CTA em links no texto) a mensagem deverá ser de fácil entendimento. Veja no exemplo acima: mesmo sendo em outra língua, você consegue identificar com clareza aonde está o CTA? Pergunte a si mesmo: qual o motivo que faz com que você saiba aonde ir?

marketing-e-vendas

FORMATO, COR E FONTE

2

 

O formato base geralmente é um retângulo pois é a forma que melhor comporta a informação (o texto do call to action). Geralmente suas bordas irão ser arredondadas ou não, de acordo com o estilo dos outros elementos da página. É permitido inovar, mas aconselhamos desenvolver testes A/B, um com formato de botão padrão e outro mais arrojado, para acompanhar de perto as taxas de conversões de ambos..

A cor do botão deverá ter destaque em relação aos outros elementos da página, para sua fácil identificação. Este contraste irá direcionar o olhar do usuário para este área e induzi-lo ao clique. Digamos que sua página utiliza uma tonalidade azul como cor-base; o botão de CTA poderá ter uma cor complementar, ou seja, seu oposto. Algo em torno do vermelho e laranja dará um bom destaque e auxiliará na tomada de decisão do user.

A fonte geralmente é uma versão em negrito da utilizada no título da página, para dar ainda mais coesão e ênfase ao elemento. Existem alguns bons exemplos de páginas que utilizaram outras fontes como esta, mas é tudo uma questão de manter a mesma linguagem. Cuidado também com seu tamanho; uma fonte grande demais atrapalha o layout.

 

POSIÇÃO EM RELAÇÃO AOS OUTROS ELEMENTOS

7

Também chamado de hierarquia, a posição do CTA é essencial para a taxa de conversão. O “espaço negativo” em volta do botão, ou seja, o “espaço em branco” é importantíssimo para separá-lo dos outros elementos e dar ainda mais destaque. Também é extremamente aconselhável que o botão apareça assim que o usuário acesse, sem a necessidade de rolar a página. Poderão haver outros CTA durante a página, desde que todos apontem para um mesmo lugar.

 

O QUE ESTÁ EM VOLTA IMPORTA. MUITO.

4

Para o seu call to action ser persuasivo, é necessário que o usuário tome uma ação. Parece básico, mas muitas pessoas esquecem que a decisão de se inscrever, receber o eBook online, cadastrar-se na newsletter, tudo está nas mãos do usuário. Ele deve se sentir seguro e confiante o suficiente de sua decisão para então agir. Por isso o conteúdo deve direcioná-lo para que ele tome esta ação. Aí entram outras estratégias para desenvolver este conteúdo, como copywriting, quebra de objeções, credibilidade, provas sociais, entre muitas outras.

 

TESTE, MAS ACIMA DE TUDO, MENSURE

3

 

Uma das maiores vantagens de se usar a internet para negócios é que, diferente dos modelos comuns, é possível gerar relatórios e métricas para (quase) tudo e todos. Utilizar as ferramentas certas como Cleverstat, SEMrush e MOZ farão toda a diferença no momento de tomar uma decisão estratégica, pois seus conhecimentos poderão ser embasados com muitos dados técnicos e métricas do último período.

 

Seguindo estes simples passos é possível criar um call to action atraente, inteligente e que lhe auxiliará a trazer muitos leads! Para mais conteúdo sobre engajamento, acesse aqui.

Gustavo Pontin

Designer, V4 Company

Mais posts - Website

Follow Me:
FacebookLinkedIn

1 Comentário

1 Comentário

  1. Pingback: Como criar provas sociais que convertem - V4 Company

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo