Realidade Aumentada: tendências de e-commerce para 2022

Em nossa série de conteúdos sobre as tendências de e-commerce para 2022 já falamos sobre vendas omnichannel, inteligência artificial e inbound marketing. Seguindo essa lógica, chegou o momento de falar de outra tendência que vem ganhando muito espaço: a realidade aumentada

Mas o que é realidade aumentada? Como isso pode ampliar minhas conversões no e-commerce? Essas são apenas duas das muitas dúvidas que vem surgindo sobre o assunto. 

É por isso que nossa assessoria de marketing digital vai te ensinar a decolar as vendas do seu negócio através de uma das tecnologias que faz parte das tendências de e-commerce para 2022. 

Para começar, o que é realidade aumentada? 

A RA, como também é chamada, é uma  a uma tecnologia que permite sobrepor elementos virtuais à nossa visão da realidade. Mas como assim? 

Um exemplo próximo é o jogo Pokemon Go – lançado em 2016. Nele, o usuário, através do seu smartphone, interage com o mundo Pokémon através de um mapa baseado no mundo real. 

Realidade aumentada em jogos de celular. Fonte: pxhere

Ou seja, de uma forma mais simplificada, a RA busca sobrepor elementos reais com o auxílio da tecnologia. Assim, é possível fazer o virtual mais interativo com a realidade. Entretanto, vale ressaltar que realidade aumentada não é a mesma coisa que realidade virtual. 

A realidade virtual, diferente da RA, permite criar um mundo virtual do zero com tudo aquilo que quisermos, enquanto a outra adiciona elementos virtuais à nossa realidade. 

Agora ficou claro, né? Então vamos entender como essa tecnologia interage com sua estratégia de marketing. 

Como isso pode ampliar minhas conversões no e-commerce?

Comprar online além de prático e rápido tem se tornado cada vez mais seguro. Isso faz com que esta seja uma das principais formas de comércio atual

Entretanto, ao se tratar de alguns segmentos – como o de moda e vestuário – a praticidade conflitava com a possibilidade de provar o produto. 

É através desse conflito que a RA aparece como uma solução para deixar a experiência dos consumidores de e-commerces ainda mais completa. Dessa forma, é possível também um maior engajamento dos usuários. 

Visualização de produtos

Você com certeza já foi comprar um óculos de sol e experimentou diversos modelos da loja antes de encontrar o ideal. 

Essa é uma prática necessária para entender se aquele modelo do objeto combina com você e seu estilo. Mas como fazer isso sem ir até o local? 

Graças a RA, é possível que o usuário experimente virtualmente os óculos do e-commerce usando apenas a câmera do seu celular. Um exemplo prático disso são os filtros existentes no Instagram

E-commerce da Dior usa realidade aumentada para que clientes experimente óculos da marca. Fonte Estillozzo

Esse é o caso da Dior, por exemplo, que em todos óculos do seu e-commerce inseriu a RA como uma forma de experimentar diferentes modelos de diversas coleções da marca.

No Brasil, um case conhecido é o da Avon no BBB 21. Na ocasião, a marca apresentou um filtro interativo para o Instagram inspirado no universo dos jogos de performance. 

Com o intuito de promover as maquiagens de longa duração Power Stay, a Avon recriou a última prova da edição com seus quatro participantes da edição. 

Assim, o jogo começava dentro de um espaço de corrida em que os jogadores tinham a missão de colecionar o maior número de produtos da linha. No final, quanto mais longe o jogador fosse, maior o desconto progressivo ele ganharia, indo de 5% até 10% para usar no e-commerce Avon. 

Filtro da Avon para o Instagram usando a RA. Fonte: Abcdacomunicação

Mas onde entra a RA nisso? Durante o percurso, através de tecnologia, os itens capturados são aplicados no rosto de quem está jogando. Estes ficavam visíveis no espelho camarim, localizado na parte superior da tela.

Aliás, você sabia que existem 7 dicas de marketing digital que você aprende com o BBB 22

Engajamento

Além da visualização, o uso da RA nesse segmento também possibilita que o usuário interaja com seu produto de uma forma mais divertida, e ainda, possa compartilhar em suas redes sociais. 

Isso permite, principalmente, o uso de influenciadores em estratégias de divulgação de diferentes produtos. Como? Criando tendências de entretenimento a partir da realidade aumentada usada no seu e-commerce. 

E por que usar Realidade Aumentada no varejo? 

Com o pouco que debatemos sobre o uso da RA até agora, a resposta dessa pergunta é basicamente uma: propor uma melhor experiência de compra para o cliente. 

A experiência do cliente com a empresa é um fator que pesa muito na decisão de compra. Então, quando o consumidor acessa seu e-commerce e se depara com uma ferramenta que permite que ele visualize todos os detalhes dos produtos, a imagem que ele terá de sua loja será bastante positiva.

Com uma experiência positiva, a jornada de compra do consumidor pode ser reduzida e a taxa de conversão de seu e-commerce vai aumentar consideravelmente. Dessa forma, os lucros de seu negócio serão cada vez maiores.

Mas é sustentável investir em RA? 

Sim! Graças a facilidade de acesso a programas disponíveis para criar filtros pelas empresas, e a possibilidade dos clientes usarem estes através dos seus smartphones, faz com que essa seja uma ideia viável.

Entretanto, embora haja diversos programas de fácil acesso que possibilitem a execução de filtros, a RA não se limita a isso. Dessa forma, é necessário também estudar qual a necessidade real do uso da tecnologia no seu e-commerce, podendo assim, exigir um nível de investimento maior.

Esse investimento deve ser baseado também no entendimento de quem é o seu público alvo, e se faz sentido o uso dessa estratégia para comercializar seu produto. 

Vantagens e desvantagens da RA no E-commerce 

Bom, como já é possível perceber, as vantagens de contar com o uso da RA no seu e-commerce são muitas. Elas vão desde uma melhor experiência do cliente, até o engajamento do público com seu produto ou serviço, resultando em uma maior taxa de conversão nas vendas.

Realidade aumentada permite experimentar calçados antes de comprar. Fonte: Olhar Digital

Contudo, existem também as desvantagens dessa tecnologia nos comércios digitais. Essas dizem respeito especificamente à limitação da tecnologia em certos casos e ao alto investimento

Lembrando que entender a necessidade de inovar com a RA está muito alinhado com o seu tipo de negócio. Por isso, é importante estar alinhado com a estratégia de marketing da sua empresa antes de tomar qualquer decisão que leve as desvantagens da tecnologia. 

V4 Company, realidade aumentada e tendências de mercado 

Viu porque a realidade aumentada vem ganhando força e sendo uma das tendências de mercado para 2022? 

Sendo uma forma de inovar e tornar mais completo o ato de comprar em um e-commerce, a RA propõe um melhor experiência de compra, encurtando a jornada de compra e aumentando sua taxa de conversão. 

Mas no que a V4 e a realidade de mercado tem relação? Se eu contratar a assessoria da V4 eles irão implementar a RA no meu E-commerce? Não! A V4 Company é uma assessoria de marketing desenvolvida com o objetivo de aprimorar os processos de vendas da sua empresa.

Assim, nós entendemos a realidade do seu negócio e apresentamos quais as melhores estratégias executáveis para que você venda seu produto, para mais pessoas, mais vezes e pelo maior preço. 

Dessa forma, é possível estudar se as tendências de mercado estão alinhadas com sua realidade, e se faz sentido investir, por exemplo, em realidade aumentada no seu e-commerce. 

Deixe seu Comentário

email marketing v4 company

Inscreva-se em nosso blog

Acesse, em primeira mão, nossos posts diretamente em seu email