Inside ou outside sales: qual a diferença?

Você já ouviu falar sobre Inside ou Outside Sales? Esses termos são bastante populares na esfera comercial, e correspondem a diferentes modalidades de venda.

Para começar, a tradução dos termos Inside Sales e Outside Sales significam, respectivamente, vendas internas e externas. Apesar de serem modelos de trabalho bem diferentes, ambos compartilham objetivos em comum, como a venda e bom relacionamento com o cliente.

Entretanto, quando falamos em Inside Sales, estamos nos referindo a vendas que acontecem de dentro do ambiente da empresa. Desse modo, temos profissionais usando diferentes ferramentas de comunicação para entrar em contato com os leads e efetivar a compra. 

Já no modelo Outside Sales, a conexão vendedor-cliente em algum momento se dará através do contato presencial. Dessa forma, teremos representantes do time de vendas em deslocamento, participando de reuniões e eventos comerciais para fechar o negócio.

Quer saber mais sobre as estratégias e a conexão desses modelos com o marketing digital? Acompanhe esse conteúdo até o final!

Inside ou Outside Sales: como cada estratégia funciona?

Unsplash

As principais diferenças entre o Inside ou Outside Sales estão no local de trabalho do vendedor e nos custos. Já as semelhanças estão no objetivo: fechar a venda. 

Apesar de serem modelos diferentes, elas também podem ser combinadas, e o retorno pode ser muito positivo. Entretanto, antes de tirar esse match do papel, é necessário conhecer as particularidades de cada estratégia.

Conheça os detalhes de cada modelo de vendas:

Inside Sales

Da prospecção ao ‘’sim’’ do cliente, todo o processo de vendas acontece dentro da empresa nesse modelo. Assim, em equipes comerciais bem estruturadas, teremos profissionais com as responsabilidades de prospecção, qualificação do lead e negociação. 

Dessa forma, com a internet ganhando cada vez mais força, esse modelo de vendas está cada vez mais popular. Seguindo essa lógica, podemos apresentar o relatório ‘’O cenário das vendas no Brasil – Edição 2021”. Nele, podemos constatar que 52% dos vendedores alcançam melhores taxas de conversão em oportunidades nas redes sociais.

Entretanto, além das mídias sociais, profissionais de Inside Sales recorrem ao telefone, e-mail e video-chamadas para entrar em contato com leads. E, dessa forma, tentando convertê-los em clientes. 

Vantagens do modelo Inside Sales:

  • Diminuição do CAC – Custo de aquisição por cliente;
  • Time de vendas mais produtivo e dinâmico;
  • Mensuração mais precisa das métricas e resultados;
  • Taxa de conversão maior.

Por que Inside Sales não é Telemarketing?

Apesar de ambos trabalharem com vendas no ambiente interno de uma empresa, profissionais de Inside Sales e Telemarketing são figuras diferentes. 

Primeiramente, no modelo Inside Sales, temos o produto ou serviço sendo oferecido para um cliente que em algum momento demonstrou interesse pela oferta. Já no Telemarketing, a abordagem pode ocorrer com clientes que não demonstraram interesse pela compra.

Dessa forma, em uma estratégia Inside Sales, temos o vendedor como um consultor e o foco em oferecer a solução adequada para atender as necessidades do cliente. Agora, no Telemarketing, a prioridade está na oferta e venda do produto.

Outside Sales

Agora, se em uma estratégia de Inside Sales temos os profissionais realizando todo o processo de vendas dentro da empresa, no Outside Sales isso não ocorre. Afinal, Nesse modelo, em pelo menos uma das etapas, teremos o encontro entre o vendedor e o cliente. 

Assim, no Outside Sales, o vendedor estará em deslocamento, seja para uma visita, reunião ou assinatura de contrato. Além disso, esses profissionais serão responsáveis por buscar novas oportunidades de negócio em feiras e conferências comerciais. 

Entretanto, esse modelo proporciona o estabelecimento de um bom relacionamento com o cliente, o que pode ser benéfico para futuras negociações e um acompanhamento pós venda.

Vantagens do modelo Outside Sales

  • Maior proximidade com os clientes
  • Novas oportunidades de negócio
  • Alta taxa de conversão

Inside ou Outside Sales: os custos de cada estratégia

Unsplash

Em primeiro lugar, antes de escolher entre Inside ou Outside Sales, tenha em mente as seguintes perguntas: 

  1. O time de vendas com o qual você trabalha está bem estruturado? 
  2. Qual o ticket médio do seu produto? 
  3. Quais são os perfis profissionais existentes na equipe comercial em questão? 
  4. Há verbas disponíveis para realizar os investimentos necessários?

Antes de optar por um modelo ou outro, é necessário entender o momento que está sendo vivenciado pela equipe de vendas. Além disso, é preciso ter conhecimento sobre os valores disponíveis para eventuais mudanças. 

Tanto uma estratégia Inside Sales como uma estratégia Outside Sales têm os seus custos para ser colocada em prática. Confira as despesas envolvidas em cada modelo:

Inside SalesOutside Sales
Deslocamentos (ex: gasolina, hospedagem, ingressos para eventos comerciais…).
Infraestrutura tecnológica (ex: computadores, plataformas de videoconferência e etc ).
Softwares de CRM.

O melhor modelo de vendas não é o Inside ou Outside Sales, mas sim o mais sustentável para o negócio, e que dialogue com a jornada de compra do consumidor. Por isso, é importante entender a maturidade do empreendimento e a disponibilidade de recursos.

À primeira vista, o modelo Outside Sales pode parecer muito caro pelas despesas envolvidas. Todavia, se estivermos falando de um produto de ticket médio alto e um lead que valorize o olho no olho nas transações comerciais, essa estratégia pode ser interessante.

Já o modelo Inside Sales pode valer a pena no caso de produtos com ticket médio mais baixo, que não necessitem de uma demonstração de como usar e que o lead valorize a agilidade do digital.

O que conecta essas duas estratégias? 

Em suma, os modelos de vendas de Inside Sales e Outside Sales têm suas particularidades. Podendo ser usados separados ou juntos, por empresas de diferentes segmentos.

Além disso, ambas estratégias compartilham de diversas necessidades em comum. São exemplos: um CRM robusto, profissionais qualificados, uma comunicação interna eficiente e planejamento para gerar lucro.

Qual a conexão das estratégias com Marketing Digital?

Estratégias de Marketing Digital, como por exemplo o Inbound Marketing, são importantes para captar e nutrir os leads. Essas ações serão o ponto de partida para que o time comercial feche as negociações, e assim o lead se torne cliente. 

Assim, em equipes de vendas bem estruturadas e que trabalhem com o Inside Sales, teremos a figura do SDR. Esse profissional, também conhecido como Sales Development Representative, será o responsável por qualificar os leads obtidos através das estratégias de marketing. 

Assim como profissionais de Inside Sales, quem atua como Outside Sales também será beneficiado com as ações de marketing digital. Afinal, o trabalho desse profissional também estará conectado ao lead.

Como a V4 Company usa Inside Sales e Outside Sales?

V4 Company

Enfim, já vimos que os modelos Inside e Outside Sales possuem as suas particularidades e compartilham pontos em comum. Assim, quando aplicados da maneira correta e alinhados com estratégias de marketing digital, podemos contar com uma melhor performance do comercial. Dessa forma, por consequência, conquistamos também um número maior de vendas. 

Nesse sentido, aqui na V4 Company combinamos as expertises dos nossos profissionais dos times de marketing, growth e vendas para conquistar os melhores resultados.

Gostou desse conteúdo e quer saber mais sobre Inside Sales e Marketing Digital? Confira os outros artigos que temos aqui no blog sobre o assunto.

Deixe seu Comentário