formulario-de-conversao-no-marketing-digital

O que é conversão no marketing digital?

Gabriel Freitas

Gabriel Freitas

27 de junho de 2022

Se você está pesquisando e lendo sobre o que é marketing digital com certeza já viu por aí a palavra conversão. Apesar de ser um dos pilares básicos do marketing digital, é um assunto que precisa ser muito bem estudado. 

Em uma estratégia de marketing digital, conversão é uma das últimas etapas. Sendo assim, a conversão ocorre quando o cliente realiza a ação para onde você estava o atraindo. 

Para isso, existem diferentes maneiras de fazer ações de conversão. Ou seja, tudo vai depender do tipo de estratégia que será aplicada ao negócio. Além disso, essas ações podem, inclusive, serem aplicadas em conjunto. 

No marketing digital, o que resulta no crescimento e sucesso de um negócio é vender mais. Para isso, é necessário um conjunto de ações bem trabalhadas por uma equipe que trabalha em sintonia. 

Quer saber mais? Continue lendo esse texto para entender melhor o que é conversão no marketing digital e como melhorar a estratégia de conversão

Mas afinal, o que é conversão no marketing digital?

No marketing, a conversão é uma ação que o usuário realiza em um site ou campanha. Ou seja, essas ações precisam ser metrificadas, ou seja, contabilizadas. Afinal, esse é o estágio final do funil

Assim, depois de percorrer um caminho bem planejado em sua estratégia, o usuário finalmente é convencido a realizar uma ação. Dessa forma, pode-se considerar uma conversão quando o usuário clica em um botão, baixa algum tipo de conteúdo ou finaliza uma compra ou até mesmo ler um artigo. 

A métrica que vai servir como base para calcular o resultado de sua estratégia, é a taxa de conversão. Ou seja, é com base nesse dado que se indica o sucesso de uma campanha. Uma campanha com taxas de conversão de sucesso, além de dados quantitativos expressivos, também leva em consideração os dados qualitativos. 

Em uma ação é possível coletar informações sobre o usuário que está interessado em seu conteúdo ou produto. Assim, quanto mais informações você coleta, maior a taxa de sucesso. Portanto, esse tipo de ação é fundamental para fortalecer sua estratégia de Inside Sales, por exemplo.

Como dissemos anteriormente, a conversão é o estágio final de um funil. Para fazer o usuário chegar nessa fase, é fundamental entender muito bem cada etapa. Por isso além de entender o que é o conceito de converão, é necessário saber o que é funil de conversão ou funil de vendas

O que é funil de conversão ou funil de vendas

O processo de convencimento de um cliente a realizar uma ação é repleto de estágios. Assim, o funil de conversão, ou funil de vendas, é a representação visual de cada fase que os seus potenciais clientes passam até chegar à última fase, a conversão.

Afinal, por que é fundamental ter um funil de conversão bem desenhado? Porque ele mostra todas as fases da sua estratégia. Desde a descoberta do problema, até a solução: a compra do seu produto, download do seu conteúdo ou qualquer campanha que a empresa esteja aplicando.

Por isso, para pensar em uma estratégia de sucesso, é imprescindível pensar em um funil de vendas. Mas afinal, quais os estágios do funil?

  • Topo do funil: fase da descoberta. Momento em que o usuário compreende que tem um problema ou necessidade. Exemplo: pessoa que leu um artigo sobre tendências de moda e agora tem o desejo de comprar novas peças;
  • Meio do funil: fase da consideração. Quando o usuário começa a considerar uma solução para seu problema ou necessidade. Exemplo: depois de ler o artigo a pessoa começa a ver outros conteúdos relacionados e escolhe o estilo de roupa que mais combina com ela;
  • Fundo do funil: fase da decisão. Quando o usuário já se convenceu e realiza o ato da compra ou aceita a sua solução. Exemplo: o usuário está procurando lojas de roupas com o seu perfil, considerando preços e produtos.

É claro que essa é uma definição muito simples, um funil de conversão bem estruturado é construído junto com a sua equipe, com base na persona do negócio. É uma atividade que precisa ser detalhada e realizada com muita atenção. Assim, as estratégias de cada fase se complementam e resultam no sucesso da campanha.

O que é taxa de conversão

Em uma definição muito técnica, taxa de conversão é a métrica que indica o sucesso de uma campanha. Ela se dá através da relação entre tráfego e conversão

Mas o que é tráfego?

Tráfego é todo e qualquer acesso que um site ou uma página recebeu. Existem dois tipos de tráfego: orgânico e pago.

Tráfego Orgânico é quando os usuários acessam um site de forma espontânea. Seja buscando em um site ou acessando direto por um link.

Tráfego pago ocorre quando os usuários são impactados por uma campanha de anúncios e acessam a página da empresa através deles.

Portanto, a taxa de conversão se dá pelo número de acessos x número de usuários que foram atraídos até o final do funil e realizaram a ação que a campanha estava direcionando. 

Exemplos de campanhas conversão no marketing digital:

  • Clicar em um botão (para baixar um material);
  • Clicar em um link para outra página;
  • Se inscrever para receber uma newsletter;
  • Finalizar uma compra;
  • Cadastrar ou preencher um formulário.

É fundamental que a estratégia para converter mais usuários esteja muito bem alinhada com a estratégia de tráfego pago e orgânico. Afinal, elas se complementam e ajudam a atrair mais usuários para uma página online.

Por esse motivo que essa tarefa existe muito planejamento e um correto direcionamento, pois visa atingir um público em potencial e, para identificá-lo, é necessário conhecer muito bem a empresa e sua persona. 

A fórmula para calcular conversões é a seguinte: conversões dividido pelo número de acessos e multiplicado por 100, ou seja:

  • conversão / tráfego * 100.

Como aumentar minha taxa de conversão

Agora que você já entendeu o que é conversão, funil de conversão, taxa de conversão e tráfego, é hora de colocar a mão na massa e trabalhar para aumentar a taxa de conversão da sua empresa.

Aumentar o tráfego

Não importa a estratégia, no marketing digital ela nunca anda só. Dessa forma, estratégias de tráfego podem resultar também em mais conversões, pois uma ação complementa a outra.

Assim, investir em tráfego significa que mais pessoas vão ver o seu conteúdo, portanto, mais clientes em potencial de avançar para a próxima etapa do funil estarão em seu site. 

Campanhas de tráfego pago são uma grande aliada nesse momento. Afinal, são as ações dessas campanhas que podem resultar no convencimento do usuário. Elas direcionam direto para uma ação: um botão, uma compra.

Já as campanhas de tráfego orgânico aumentam o fluxo de pessoas em uma página. Ou seja, está mais relacionado a constância. Investindo em tráfego orgânico mais clientes em potencial descobrem seu site. 

É claro que essa é uma versão bem resumida do que é tráfego, mas sem dúvida é imprescindível que essa ação esteja de acordo com toda sua estratégia.

Produzir conteúdo

Nem sempre uma campanha quer, necessariamente, que a última ação do usuário resulte em uma compra ou na adoção da solução que a empresa oferece. Muitas campanhas podem ser direcionadas para ações específicas, como assistir um vídeo, ler um artigo ou baixar um material.

Essas campanhas têm como objetivo fortalecer a presença da marca entre os usuários. É quando o cliente toma a decisão de consumir seu material porque achou relevante, com potencial para ajudar a solucionar seu problema ou necessidade. 

Para ilustrar, vamos pensar que você tem uma clínica veterinária e quer atrair mais clientes. Em seu site você possui um blog que fala sobre cuidados com os pets e a vida animal.

Você é um especialista em gatos e quer que mais pessoas vejam você como referência para o cuidado com os seus felinos. Para isso você pode produzir vídeos ou até mesmo um e-book sobre principais cuidados com gatos e principais doenças que atingem estes animais.

Assim, uma das suas campanhas de conversão será convencer os potenciais clientes a baixar seu conteúdo. 

Investir em materiais ricos, com profundidade, é fundamental para aumentar o tráfego e realizar campanhas de conversão mais pontuais.

CTA – Call To Action

Em tradução, call to action significa chamar para uma ação. Até aqui vimos que a conversão é convencer alguém a realizar uma ação. Mas de que maneira você está tentando convencer?

As CTAs são as chamadas diretas para uma ação, como “leia mais aqui” ou “clique aqui e baixe nosso e-book”. Portanto, é uma parte da estratégia que merece muita atenção.

Uma CTA precisa ser atrativa, pois ela é a última etapa do convencimento. Mas não basta isso, ela precisa, de fato, ajudar a converter. É possível que algumas pessoas pensem que se o usuário chegou até aquela fase, a ação é certa, por isso não há necessidade de uma boa CTA. Afinal, ele vai clicar de qualquer forma.

Isso é um erro. Lembre-se que no mundo online estamos o tempo inteiro disputando a atenção do usuário. Não é fácil competir com as distrações das redes sociais e, claro, se destacar entre seus concorrentes. 

É por esse motivo que seu conteúdo deve ser pensado em todos os mínimos detalhes, incluindo a CTA. 

Como fazer uma boa CTA?

Já adiantamos que não existe uma fórmula mágica. Tudo que é necessário para fazer uma boa CTA vem do tanto de conhecimento que você tem sobre seu cliente e sobre a campanha que está colocando em prática.

Em uma velha definição, a construção de uma boa CTA “depende”. Tudo deve ir de acordo com o propósito da sua campanha, linguagem e público alvo.

Invista em copy

Talvez você já tenha ouvido falar em copywriting. Entendemos como copywriting o processo de construção de textos e redação que, alinhados com a linguagem e a estratégia de marketing de uma empresa, visa atrair mais clientes e/ou usuários.

Apenas com essa definição já fica claro a importância de investir em copywriting. Mas você pode estar se perguntando: não é o fundamental de qualquer estratégia?

A resposta é simples: sim! O que nos faz reforçar a importância do conversão / tráfego * 100.copywriting, é a relevância do profissional responsável por ele. Um copywriter é um profissional que pode ser um jornalista, redator, publicitário e afins.

É essa pessoa que, através da sua escrita, vai guiar o usuário por todo o caminho da decisão de compra. Ficou mais claro a importância de investir em copy?

Pense em uma campanha que não tem uma linguagem própria para seu público, e pior, que não dialoga com o tipo de texto utilizado em outras etapas da campanha. Isso geraria um desconforto para o cliente, além de passar a impressão de que sua estratégia não foi bem pensada. Em resumo, uma bagunça.

Agora que você já tem o conhecimento sobre o que é conversão no marketing digital e como aumentá-lo, impulsionando clientes a  realizar uma ação, conheça o método V4

Método V4 de conversão

O Método V4 é a estratégia que criamos para aumentar as vendas de nossos clientes. Essa estratégia é formada por quatro pilares fundamentais: tráfego, engajamento, conversão e retenção. 

Como você já viu aqui, conversão no marketing digital é quando um usuário realiza uma ação prevista por você em uma estratégia. Ou seja, é um dos pilares que precisa que os anteriores estejam muito bem estruturados.

Assim, uma conversão passa por praticamente todos os estágios e estratégias do marketing: copy, SEO, tráfego pago, tráfego orgânico e todos os outros métodos que necessitam estar alinhados para gerar o resultado que mais queremos: altas taxas de conversão.

Para chegar nesse resultado, muitas etapas precisam ser elaboradas e estruturadas. Ou seja, essa fase demanda mão de obra apta e qualificada. Uma equipe composta por profissionais do marketing, pessoal qualificado e especializado, com habilidades para tratar diretamente do marketing digital de uma empresa, com certeza trará bons resultados.

Quer entender melhor como trabalhar bem o pilar que pode ter ajudar a gerar bilhões de faturamento? Confira o vídeo do nosso COO, Eduardo Torres, falando da conversão como uma etapa essencial para vender mais na internet.

Agora, se você já quer começar a executar estratégias que melhorem sua taxa de conversão, baixe nosso coaching técnico para inside sales, o mesmo que utilizamos nas principais equipes de vendas da V4 Company.

Garanta sua conversão com uma assessoria de marketing

Uma boa alternativa para quem está querendo expandir seu negócio mas não tem um setor de marketing próprio, é investir em uma assessoria de marketing.

A assessoria de marketing tem como objetivo gerar resultados através do marketing digital. A assessoria tem como papel realizar um diagnóstico do seu negócio, apontando onde estão os espaços a serem preenchidos e melhorados. Além de claro, apresentar as propostas para isso.

A V4 Company entende que o marketing é como ciência. Ou seja, exige pesquisa, teste, metodologia eficaz e resiliência. Composta por profissionais especializados, com conhecimento profundo em marketing e vivência de mercado, a V4 já ajudou a disparar mais de 5 mil negócios e gerar mais de R$2 bilhões em faturamento para seus clientes. 

certificado gptwverificado reclame aqui